Contato do representante
Sistemas de supervisão e aquisição de dados (SCADA)

Sistemas de supervisão e aquisição de dados (SCADA)

Controle ideal e otimização de equipamentos

Sistemas de supervisão e aquisição de dados (SCADA) - Aplicação

Existem cinco letras decisivas para o sucesso e a perspectiva futura de diversas empresas. É uma questão de monitorar processos automatizados da forma mais completa e clara possível. Em empresas de energia, manufatura, fabricantes de alimentos e farmacêuticas. trata-se de controlar as diferentes máquinas da maneira mais direta e precisa possível. Muitas vezes, em ambientes heterogêneos, com "linguagens" diferentes. Trata-se de adquirir dados de forma rápida e correta. De máquinas e unidades de controle, de sistemas ERP e MES. De fontes diferentes, que podem ser simples listas e tabelas de texto ou software proprietário. Cinco letras que abrem novos horizontes: SCADA – ou, por extenso: Supervisory Control and Data Acquisition (sistema de supervisão e aquisição de dados) Em outras palavras: Visualização, controle e coleta de dados operacionais.



zenon Supervisor

Brochure

zenon Supervisor

8.9 MB

SCADA – verticalmente integrado

SCADA pode ser aplicado até mesmo aos mais baixos níveis de automação. Por exemplo em casos nos quais os dados são coletados por meio de sensores e dispositivos de medição e ajustes são necessários. Em um nível acima disso, os sistemas SCADA permitem o monitoramento de valores pré-definidos, a entrada de valores definidos, bem como outras intervenções de controle. Os valores coletados no nível mais baixo são apresentados da forma mais clara e compreensível possível, possibilitando intervenções de usuário. E, um nível acima, os engenheiros obtêm panoramas, planos, documentos e protegem os processos controlados. A estrutura do sistema SCADA é constituída por pontos de dados físicos e calculados. Eles fornecem valores e um carimbo de horário, possibilitando monitoramento, controle e relatório, em tempo real ou de dados históricos.

SCADA e comunicação

Para realizar a comunicação com diversas máquinas, dispositivos e produtos de software, os sistemas SCADA devem incorporar várias tecnologias. Desde conexões seriais simples, passando por sistemas field bus até estruturas de rede redundantes complexas. Os sistemas SCADA são geralmente operados em conjunto com aplicativos HMIe sistemas de relatório em nível de produção. Os sistemas SCADA devem ser compatíveis com todas as normas e padrões comuns, como OPC UA, diversos protocolos IEC ou Modbus, e também com sistemas proprietários e vários tipos de hardware.

A evolução do SCADA

Os sistemas SCADA (sistema de supervisão e aquisição de dados) estão em constante desenvolvimento. Os sistemas SCADA garantem processos cada vez mais flexíveis, diminuem o trabalho dos usuários, assumem cada vez mais tarefas de rotina, de forma automatizada, "pensam" conforme a tarefa e aumentam a qualidade das unidades industriais de engenharia mecânica, automotiva, indústrias farmacêuticas, de alimentos e bebidas, de energia e construção. É assim que os sistemas SCADA aprimoram os ambientes de produção e a automação construtiva.